Paraná lança plano para fortalecer turismo com ações até 2026

turismo

O lançamento do Masterplan Paraná Turístico 2026 – Pacto para um destino inteligente – marcou o Dia Nacional do Turismo, comemorado nesta terça-feira, 27 de setembro. O plano foi lançado em café da manhã na Fecomércio Paraná, com a presença do governador Beto Richa. O encontro reuniu o secretário do Esporte e do Turismo, Dougas Fabrício, o presidente da Fecomércio, Darci Piana, e mais de 100 lideranças do setor.

Elaborado de forma integrada e participativa pelo governo estadual e dezenas de entidades representativas do Conselho Paranaense de Turismo (Cepatur) e das 14 Regiões Turísticas do Estado, o Masterplan prevê ações do setor para os próximos dez anos. O documento foi feito por um grupo formado por representantes do Cepatur, Paraná Turismo, Sebrae-PR, Universidade Federal do Paraná, Associação Branovasileira de Empresas de Eventos (Abeoc) e Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo (Abrajet).

No ano passado, as cidades paranaenses receberam 16 milhões de turistas. Os principais destinos do Estado são Curitiba, Foz do Iguaçu e o Litoral. Cerca de 23 mil estabelecimentos estão envolvidos na cadeia turística do Estado, gerando cerca de 150 mil empregos. “O Paraná tem muitas potencialidades a serem fortalecidas e este documento demonstra a preocupação e o planejamento de nosso governo e do trade turístico para a área”, disse o governador.

DESENVOLVIMENTO – Para Richa, ao fortalecer o setor, o plano decenal contribui com a economia e o desenvolvimento do Paraná. “Este projeto tem uma importância fundamental porque acreditamos nas potencialidades e nos resultado do turismo do Paraná”, afirmou. “É um setor que impacta em diversos segmentos da nossa economia, gerando oportunidades de emprego e renda à nossa população”, destacou.

O presidente da Fecomércio-PR, Darci Piana, também reforçou a importância da cadeia do setor para a economia do Estado, que será fortalecida com a implantação do Masterplan. “É um trabalho de longo prazo, construído por um grande número de pessoas e que reflete os interesses do trade de turismo. Será um grande avanço para o turismo do Estado”, declarou.

ESTRATÉGICO – O Masterplan segue a Política de Turismo do Paraná (Lei nº 15.973/2008) e se constitui em um instrumento estratégico, participativo e direcionador de esforços em longo prazo. O plano conta com três eixos estratégicos – governabilidade e sustentabilidade, qualidade e competitividade, marketing e inovação. Prevê a participação do governo estadual, da iniciativa privada e da sociedade civil para a sua implantação.

“Nosso foco é impulsionar o Paraná como produtor de turismo”, ressaltou o secretário de Estado do Esporte e Turismo, Douglas Fabrício. “Elaboramos o Masterplan porque precisamos ter, até 2026, um série de ações voltadas ao desenvolvimento do turismo e à geração de emprego e renda na área. Em todo o mundo, de cada 11 empregos gerados, um é na área turística, que envolve mais de cinquenta atividades econômicas”, disse Fabrício.

O presidente da Paraná Turismo, Jacó Gimennes, explicou que as ações serão desenvolvidas em todas as regiões do Estado, em especial nas cidades de Curitiba e Foz do Iguaçu, que são os principais destinos turísticos do Paraná. “O objetivo é colocar o Paraná entre os três principais destinos turísticos do Brasil. A ideia é que o Paraná assuma a condição de produtor de turismo”, salientou Gimennes.

PRESENÇAS – Participaram do evento o reitor da Universidade Federal do Paraná, Zaki Akel Sobrinho; o diretor-superintendente do Sebrae-PR, Vitor Tioqueta; e o deputado federal Alex Canziani.

 

Fonte – AEN